24 de junho de 2010

NADA ?

 
«Os sistémicos insultam e ameaçam muito. Cumprem pouco. Os tribunais assustam-nos: fogem da visibilidade como as toupeiras da luz. A Central não quer publicidade: anseia pelo silêncio. No fundo, são tão fracos como sinistra é a nova Pide, onde colaboram na Secção de Blogues siamesa das negras operações activas da «malta da pesada». O socratismo está nas últimas. Serão responsabilizados: caso a caso, um a um.

Nós sabemos o que vocês fizeram no Verão passado. E estão a fazer neste Verão.» 

23 de junho de 2010

CONSTÂNCIO, A DINAMITE E OS PIRÓMANOS: AFINAL AINDA VAMOS GANHAR DINHEIRO COM O BPN...

«Sem moeda própria não voltaremos a ter problemas de balança de pagamentos iguais aos do passado. Não existe um problema monetário macroeconómico e não há que tomar medidas restritivas por causa da balança de pagamentos. Ninguém analisa a dimensão macro da balança externa do Mississipi ou de qualquer outra região de uma grande união monetária. Isto não significa que não exista uma restrição externa à economia. Simplesmente esta é o resultado da mera agregação da capacidade de endividamento dos vários agentes económicos. O limite depende essencialmente da capacidade de endividamento dos agentes internos (incluindo os bancos) perante o sistema financeiro da Zona Euro. Se e quando o endividamento for considerado excessivo, as despesas terão que ser contidas porque o sistema financeiro limitará o crédito. O equilíbrio restabelece-se espontaneamente, por um mecanismo de deflação das despesas, e não têm que se aplicar políticas de ajustamento. A ressaca após um forte endividamento pode ter consequências recessivas, mas não é um problema macroeconómico de balança de pagamentos. A analogia mais pertinente é com o novo paradigma que vê a balança corrente externa como o resultado de uma optimização intertemporal do perfil de consumo de uma economia que defronta um mercado de capitais perfeito. A analogia é simplista para um país com moeda própria, mas serve como primeira aproximação para uma região de uma união monetária.»
VITOR CONSTANCIO citado por A.B.CALDEIRA 22-06-2010

«Vítor Constâncio encolhe os ombros perante aquilo que ouviu de uma euro-deputada luxemburguesa. Nomeado para vice-presidente do BCE, Banco Central Europeu, Constâncio esteve hoje a ser ouvido numa comissão do Parlamento Europeu e uma euro-deputada do Luxemburgo afirmou que entregar a supervisão a Vítor Constâncio é como dar "dinamite a um pirómano"RTP 23-03-2010

22 de junho de 2010

A CRISE

 
«A burla cometida no BPN não tem precedentes na História de Portugal.O montante do desvio atribuído a Oliveira e Costa, Luís Caprichoso, Francisco Sanches e Vaz Mascarenhas é algo de tão elevado, que só a sua comparação com coisas palpáveis nos pode dar uma ideia da sua grandeza. 
Com 9.710.539.940,09 € (NOVE MIL SETECENTOS E DEZ MILHÕES DE EUROS.....) 
[Com 1.946.788.468 Contos (MIL NOVECENTOS E QUARENTA E SETE MILHÕES DE CONTOS)] 
poderíamos:

    * Comprar 48 aviões Airbus A380 (o maior avião comercial do mundo).
    * Comprar 16 plantéis de futebol iguais ao do Real Madrid.
    * Construir 7 TGV de Lisboa a Gaia.
    * Construir 5 pontes para travessia do Tejo.
    * Construir 3 aeroportos como o de Alcochete.
    * Para transportar os 9,7 MIL MILHÕES DE EUROS seriam necessárias 4.850 carrinhas de transporte de valores!
    * Distribuído pelos 10 milhões de portugueses, caberia a cada um cerca de 971 euros !!!»
T. CARNEIRO 14-06-2010

21 de junho de 2010

GOLFO DO MÉXICO: COMPONENTES ORGÂNICOS VOLÁTEIS AMEAÇAM TODAS AS FORMAS DE VIDA...


«Relatório do Ministro dos Recursos Naturais da Federação da Rússia alerta para que a fuga de petróleo e gás no Golfo do México está prestes a tornar-se na maior catástrofe ambiental da História da Humanidade, ameaçando toda a metade leste do sub-continente norte-americano com " destruição total "»...



19 de junho de 2010

PORTUGAL: UM CASO PERDIDO ?

«A respeito das semelhanças com Portugal ou Grécia, o director-geral do FMI disse que "não são, em absoluto, comparáveis". "A situação não é a mesma que a de Portugal porque o nível de dívida em Espanha é muito inferior (...) e também a privada», acrescentou.»
O socialista Dominique Strauss-Kahn, director-geral do FMI, acaba de enterrar o Estado português para protecção da Espanha, que conseguiu uma folga. Distinguiu a Espanha de Portugal e comparou Portugal à Grécia, que juntou no mesmo pacote. A consequência foi o salto maior da dívida portuguesa: as obrigações do Estado português a dez anos subiu um pouco e as espanholas desceram. O intervalo entre o juro cobrado a Portugal e Espanha alargou-se, dos 0,7% anteriores, estando após o fecho dos mercados ocidentais, de sexta-feira, dia 18, em 1,06% (Portugal em 5,75% e Espanha em 4,69%).

O Estado português ficou isolado e é tratado agora como um caso perdido.»

O ANO DA MORTE DE SARAMAGO

«As mortes lamentam-se. Mas não aceito que tentem transformar um morto naquilo que ele não foi em vida. E que estes momentos sirvam para apagar da história o que as pessoas fizeram. Aos familiares e amigos de José Saramago o meu respeito. Compreendo que as instituições portuguesas prestem homenagem àquele que é o único Nobel português da literatura. Isso também não pode ser apagado da história. Mas...» NUNO GOUVEIA 19-06-2010

17 de junho de 2010

SOBRE A REDUÇÃO DOS SALÁRIOS DOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS...

«Conta o DN digital, de hoje, 16-6-2010 (via Lusa):
«O primeiro ministro José Sócrates rejeitou hoje em Bruxelas o cenário de redução de salários na função pública. (...) "Não, não vai ser preciso", declarou.» 
Creio que não se trata de um erro de pontuação do jornal. Nem sequer de um defeito do autor, mas de feitio. É apenas mais uma afirmação socratina. Para tomar exactamente ao contrário.»
A.B.CALDEIRA 17-06-2010

16 de junho de 2010

2010 WEBBY PERSON OF THE YEAR


Roger Ebert as 2010 Person of The Year 

at the14th Annual Webby Awards 

WHO IS ROGER EBERT?

15 de junho de 2010

AI, AI...

Gostava de os ver depor perante o Senado dos EUA, para perceber se mantinham a desfaçatez e arrogância que ostentaram perante a comissão de inquérito parlamentar portuguesa... A.B. CALDEIRA 14-06-2010

14 de junho de 2010

ALEMANHA E FRANÇA PROPÕEM CRIAÇÃO DE GOVERNO ECONÓMICO NA ZONA EURO

«A Alemanha e a França vão propor hoje que os chefes de Estado e de governo dos 16 países da Zona Euro formem um governo económico, “que possa reunir-se de forma operacional e pragmática”.
Além disso, advogaram o reforço do Pacto de Estabilidade e Crescimento (PEC), para que estados, que violem “notoriamente” o limite do défice orçamental de três por cento ou o limite de endividamento de 60 por cento do produto Interno Bruto (PIB), percam o direito de voto.
As duas propostas foram anunciadas hoje, em Berlim, após uma reunião entre a chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, para preparar o Conselho Europeu que começa na quinta feira, em Bruxelas.» iONLINE 14-06-2010

 A PROPOSTA INCLUIRÁ, ENTRE OUTRAS MEDIDAS, A INSTITUIÇÃO DE UMA ESTRUTURA DE INVESTIGAÇÃO FINANCEIRA EUROPEIA E A INVERSÃO DO ÓNUS DA PROVA NOS CRIMES DE ENRIQUECIMENTO ILÍCITO, COMO FORMAS DE PREVENIR E RECUPERAR VALORES DESVIADOS POR TITULARES DE CARGOS PÚBLICOS EM TODA A ZONA EURO DESDE A SUA CRIAÇÃO. 

13 de junho de 2010

DINHEIRINHO... NÃO É?

excertos do comentário televisivo do Professor Marcelo Rebello de Sousa:
«Quanto o comissário: é preciso que Durão Barroso meta ordem lá no governo dele, não pode cada comissário falar para seu lado, e misturar Portugal com a Espanha, se ele queria falar da Espanha não devia falar de Portugal
Quanto aos governantes portugueses: não podem andar cada um a falar para seu lado.
E o próprio Cavaco Silva, que bateu e bem naquela confusão entre Portugal e Espanha, acrescentou depois uma coisa que é difícil de compreender, que é "quem manda em Portugal são os portugueses, quem define a agenda portuguesa é Portugal não é a Europa." Mas, estamos a brincar... Então e o PEC? 
Se cada país pensasse assim, não havia união Europeia...
O que Cavaco Silva disse é populista, dá votos, mas não é boa solução, bem entendido.
Estão todos metidos num quarto, sem saída...
Estão todos reféns de todos,..., relativamente entretidos com o campeonato do mundo.
Muito desconforto, mas terão que viver assim...
PT/TVI: tenho dificuldade em perceber Mota Amaral. Pacheco Pereira tem aqui uma oportunidade de ouro.
Cortes salariais dos políticos: cortar 5% nos salários dos políticos e não no pessoal dos gabinetes? ou percebi mal ou deve ser brincadeira.
Pensões: por uma vez, estou de acordo com Fernando Nobre.»
Marcelo Rebello de Sousa, TVI 13-06-2010

12 de junho de 2010

OBRIGADINHO, RUI PEDRO SOARES !

«Por mostrar que é possível chegar a administrador da PT sem ninguém se lembrar de quem o convidou para o cargo;
Por ter tido a perspicácia de ter uma sondagem que mostrava a popularidade de Figo e, especialmente, Carolina Patrocínio;
Por ter tal espírito de empreendorismo que não desistiu de tentar comprar a TVI, através de várias empresas;
Por ter um parecer da PLMJ a defender que a TagusPark o poderia fazer;
Por ser amigo de Paulo Penedos e usar o telemóvel;
Por aparecer, em Madrid, sem ser convidado, para falar com a PRISA;
Por ir ao Largo do Rato e ninguém se lembrar de falar com ele;
Por aparecer, sem ser convidado, no ministério de Mário Lino, só para falar de futebol;
Por usar o avião da PT para tratar de assuntos que nada teriam com esta empresa;
Por pedir desculpa a Sócrates, por ter invocado o nome do "primeiro" em vão;
Por ter, abusivamente, recusado falar, como era a sua obrigação, na CPI;
Por se ter demitido da administração da PT, com uma boa indemnização;

Mas especialmente, por não ter ficado calado, escondido, com a vergonha e o recato a que a sua posição aconselhava: por mostrar que esta gente não tem vergonha e é capaz de ter a lata de, tendo recusado falar quando podia e devia, vir no fim do jogo mandar bocas sobre a inquisição.»

11 de junho de 2010

CAVACO NO TRIBUNAL...

O Presidente da República reconhece que "chegámos a uma situação insustentável" mas tem a noção que não pode falar muito mais.
Como numa sala de tribunal, tudo o que Cavaco diz pode ser usado contra ele próprio.

10 de junho de 2010

PORTUGAL VIVE UMA SITUAÇÃO INSUSTENTÁVEL...

«chegámos a uma situação insustentável. Pela frente, temos grandes trabalhos, enormes tarefas, inevitáveis sacrifícios
Presidente Cavaco Silva 10-06-2010

Que sonho esta noite...
Aparecia uma senhora vestida de preto virada para uma parede branca, e repetia  alternadamente com sotaqui brasileño... para uma fotografia do Almirante Américo Tomás com uma sombra de um nariz redondamente grande mesmo ao lado:
Aluô, Crisidentxi a Pataco ?
Aluô, Presidoentxi Cabaco ?
Aluô, Crisidentxi a Pataco ?
Aluô, Presidoentxi Cabaco ?
Aluô, Crisidentxi a Pataco ?
Aluô, Presidoentxi Cabaco ?
Aluô, Crisidentxi a Pataco ?
Aluô, Presidoentxi Cabaco ?
Aluô, Crisidentxi a Pataco ?
Aluô, Presidoentxi Cabaco ?

Deixou de se ouvir a voz e nisto... a sala começa a girar, a girar, a girar até que... parou.
Logo a seguir uma descida vertiginosa, cada vez mais rápida e... acordei !
Melhor, pensava eu que tinha acordado, porque dei comigo a voar noutro cenário... nem mais nem menos que no topo de um balão.
Tinha as cores de Portugal, e ia com um chinês de bigodinho (parecia o Badaró, embora o nariz deste fosse mais parecido com o da sombra...).
O chinês era canhoto e prendia-me a mão ao mesmo tempo que, com um alfinete enorme na outra, tentava furar o misterioso balão em nos equilibrávamos.
O sacana tinha um pára-quedas tricolor. Eu nenhum...
Foi a última coisa de que me lembro de ter visto antes do gajo ter conseguido mesmo arrebentar o balão...
Não consegui ver quem ia lá baixo no cesto, mas era muita gente.
 PESADELO OU PREMONIÇÃO ? 

9 de junho de 2010

O FIM DO EURO OU O COMEÇO DOS ESTADOS UNIDOS DA EUROPA?

«A agência de notação Moddy's afirmou hoje e pela primeira vez, que não é absurdo falar no fim do euro, apesar de considerar que o projecto da moeda única ainda não está acabadoiONLINE 9-06-2010

ALGUÉM OUVIU FALAR EM CLÁUSULAS SECRETAS ESCRITAS E ASSINADAS NO PLANO DE EMERGÊNCIA EUROPEU (750) ?

8 de junho de 2010

O MUNDIAL 2010 E OS ROUBOS LEGALIZADOS



 

18 de Novembro de 2009
JÁ NINGUÉM SE LEMBRA.
O CHAMADO "ROUBO DE IGREJA", NO FRANÇA-IRLANDA DESSE DIA.
DOIS FORAS DE JOGO E DUAS MÃOS NA BOLA ANTES DE UM GOLO QUE VALEU O ACESSO DE UM PAÍS EUROPEU AO MUNDIAL.
SE COM TAMANHA EVIDÊNCIA NADA ACONTECE, IMAGINE-SE O QUE SE PASSA NOUTRAS GRANDES ÁREAS DA ACTIVIDADE EUROPEIA.
PERSISTAM POIS, QUE O QUE INTERESSA SÃO OS RESULTADOS, NÃO É?
QUEM SEMEIA VENTOS...

7 de junho de 2010

LEMBRAM-SE? TRANSPARÊNCIA NA POLÍTICA, NA ADMINISTRAÇÃO...

Do editorial de ontem do The Daily Telegraph:

«Yesterday, the Coalition published online millions of items of public expenditure for the past two years. The figures show in detail what departments were authorised to spend, what they actually spent and what they are forecast to spend in future. This is just a start.
Later this year, all items of government spending in excess of £25,000 will be posted on the internet.
For the first time, some of the most closely kept secrets in Whitehall will be subject to direct public scrutiny, the most powerful check and balance of all.»

Havia de ser bonito num país onde estas coisas acontecem e onde até os documentos publicados no Diário da República desaparecem.

FJV 06-06-2010


TRADUÇÃO:
«Ontem, a Coligação publicou online milhões de items de despesa pública dos últimos dois anos. Os números mostram em detalhe o que os departamentos foram autorizados a gastar, o que de facto gastaram e o que prevêem gastar no futuro. Isto é só o começo.
Mais tarde durante este ano, todos os items de gastos governamentais acima das 25.000 £ serão "postados" na internet.
Pela primeira vez, alguns dos segredos mais bem guardados em Whitehall serão objecto de escrutínio público directo, o mais poderoso "check & balance" de todos


COISAS IMPENSÁVEIS EM PORTUGAL, QUE ATÉ HÁ MEIA DÚZIA DE MESES SERIAM IRREALISTAS PARA TANTOS, AFINAL JÁ COMEÇARAM A ACONTECER. 
E LOGO NO REINO UNIDO...

6 de junho de 2010

ENTÃO, PARA QUE SERVE A CONSTITUIÇÃO ?

«Quando um ministro declara abertamente, numa comissão parlamentar, que o seu governo vai desrespeitar a Constituição de forma consciente e intencional, só a loucura geral permite complacências. Controlar o poder do governo é o principal motivo para a existência de uma Constituição. Permitir ao governo fazer interpretações livres do texto é o mesmo que recuar trezentos anos na História.»
Tiago Moreira Ramalho, no A Douta Ignorância.

«Já não se viola apenas o pacote de promessas eleitorais sufragado em Setembro e o programa do Governo: agora viola-se abertamente a Constituição da República.»
Pedro Correia, no Delito de Opinião.

«Se até os princípios que garantem um mínimo de segurança e de liberdade aos cidadãos cedem, de forma ligeira , àquilo que são as conveniências (obviamente, sempre qualificadas de superior ”interesse público”!) do Governo, então, quem nos garante que a seguir e pelas mesmas pseudo-razões difusas, não meteremos na gaveta a ”liberdade de expressão” ou não aparece outro qualquer governante a defender que o “interesse público” da celeridade processual deve eclipsar o princípio de que “não há crime, sem lei” ou ainda, de que a lei penal também se deve aplicar retroactivamente para condenar cidadãos e que todos seremos beneficiados com a instauração da “censura prévia“, etc., etc., etc?»
P. M. F., no Blasfémias.

A ORIGEM DAS ESPÉCIES 03-06-2010

5 de junho de 2010

NINGUÉM DIGA QUE ESTÁ BEM...

«Não há como não recomendar isto. Aliás, se o mundo fosse um lugar justo, seria escusado exaltar as qualidades literárias e a lucidez desta prosa, agora compilada em livro. Como não é, insisto naquilo que me parece ser o óbvio ululante: o Alberto Gonçalves é um dos mais talentosos, corajosos e desassombrados cronistas da sua geração.
(...) As crónicas do Alberto Gonçalves despertam-nos para uma realidade que há muito andamos a tentar disfarçar (mal), para gáudio de humoristas, satíricos e o homem comum que aprendeu a rir de si próprio: saímos há muito pouco tempo da caverna. No fundo, continuamos ridículos, boçais e patéticos, hoje, como há cem ou mil anos atrás. E o pior (ou será o melhor?) é que parecemos gostar disso.»
CC CARAPINHA 04-06-2010

4 de junho de 2010

O ESTADO RETRO

«Às vezes, parece-me que o Tribunal Constitucional já não serve de último reduto da defesa dos particulares, mas apenas de garante da actividade do Estado - da omnipresente e omnipotente actividade do Estado. A norma chega e os juízes perguntam: como é que havemos de interpretar a Constituição para que a norma seja constitucional? É precisamente para isso que servem o "bem público" e a "emergência" nacional.
Indignemo-nos, portanto. Mas não nos surpreendamos com o que aí pode estar para vir.»

3 de junho de 2010

HUMANOS JÁ NÃO SÃO...

O Poder financeiro mundial criou uns gabinetes de crise, capazes de escalonar as dívidas e até o valor de qualquer coisa, que mexa com as finanças mundiais.
(...) A ordem é retornar o dinheiro, para outros grandes projectos. Mandam aos senhores governantes que saquem do povo, a coberto da crise engendrada, na forma de um plano de austeridade!
Orson Wells, porque lhes deste a ideia? Não chegou pagarmos o filme?
Pois bem, as agências de análise financeira são mensageiros e arautos da nova ordem mundial, onde os pagantes serão escravizados para as ganâncias de uns poucos egoístas, cobardes anti-sociais, que mais parecem não pertencer à espécie humana.
Humanos já não são!

2 de junho de 2010

IMPOSTOS E IMPOSTORES

"José Sócrates gosta tanto de impostos, mas gosta tanto, tanto de impostos, que um dia ainda lhe chamam impostor." P.PINTO MASCARENHAS 01-06-2010

1 de junho de 2010

O TEMPO DOS (RE)FUNDADORES-CARRASCOS !?


«Mal era conhecida a posição formal do Partido Socialista na reunião da Comissão Nacional, ontem ao final da tarde, a Concelhia de Lisboa declarava o apoio à candidatura presidencial de Manuel Alegre. Com uma nota particular: a concelhia socialista foi conquistada no início de Maio por Rui Paulo Figueiredo, o antigo assessor de José Sócrates envolvido no caso da alegada vigilância de São Bento à Presidência da República.
A concelhia presidida pelo “espião” de Belém, como Figueiredo ficou conhecido em 2009 depois do célebre “caso das escutas”, afirmava acreditar que “com Manuel Alegre terá um Presidente da República mais livre, justo e fraterno”. Mais: “Juntos tudo faremos para ganhar as próximas eleições presidenciais.
» iONLINE 31-05-2010

POIS... SE ENTRAR EM ACÇÃO O MESMO "SISTEMA DE COMPRAS" DE FIGURAS PÚBLICAS MEDIATIZADAS TAL COMO FOI FEITO, E ATÉ DEMONSTRADO PELO MINISTÉRIO PÚBLICO QUANTO ÀS LEGISLATIVAS 2009, ESTAMOS CONVERSADOS...

E DE CAMINHO, MEUS RICOS PACÓVIOS, TALVEZ NÃO SEJA MÁ IDEIA  QUE O CONTROLO DOS PROCESSOS "ELEITORAILS" SAIAM DA ALÇADA DO GOVERNO E PASSEM PARA A TUTELA DO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL.  
SE O ALVES DOS REIS REENCARNADO ESVERDEADO AZULADO E SELECCIONADO DEIXAR... AINDA!!!
COM O PRESIDENTE NÃO SE PREOCUPEM, QUE ELE ESTÁ MAIS VIRADO PARA OS VOTOS DO QUE PARA OS VETOS. 
 ESTADOS DE ALMA ?...